terça-feira, 14 de abril de 2009

A Terceira Páscoa.

Todos afluíram à comunidade onde o Missionário iria celebrar a Páscoa. Trinta e tal baptismos, setenta e muitos casamentos e a festa que é por si só uma eucaristia africana. Uma pobreza apenas aparente. Nada nem ninguém poderiam faltar.


Nem eles, todos.

Nem as noivas, com vestidos feitos de toalhas de mesa e ténis de plástico.

Nem o Missionário, com a sua extraordinária alba africana.

Nem a Fé, expressa em lágrimas e sorrisos.

Nem as danças, para Ele.

Nem os vizinhos muçulmanos, curiosos.

Nem as outras mulheres, curiosas.

Nem as bicicletas, com as galinhas.

Nem o Sol.

Nem a cor.

Nem eu, pela terceira Páscoa desterrado, pela terceira Páscoa deslumbrado.


video

2 comentários:

  1. Desterrado-deslumbrado...há qualquer coisa nesta associação que faz todo o sentido.

    :)

    *patrícia

    ResponderEliminar
  2. A associação que fizeste entre as imagens e a música das Coco Rosie, trouxe-me boas recordações, o meu primeiro mês que passei na Bélgica. Só para veres, aqui fica o link: http://jalc.wolan.net/mes_web1/

    Boa caça, Amigo Nuno!

    ResponderEliminar